top of page
  • Anefac A

Comunicação da empresa com o mercado deve ser verdadeira para que haja entendimento dos investidores




Os relatórios financeiros de uma empresa fornecem informações valiosas sobre a sua situação económica, que permitem uma melhor tomada de decisões por parte de todos os stakeholders, uma vez que trazem um balanço do negócio. Basear as decisões da empresa em dados reais e não em intuições ou conhecimentos superficiais sem dúvida aumentará o percentual de acerto das decisões que forem tomadas.


Na visão de Gisele Schneider, gerente de controladoria e tributos no Grupo Fleury, é por meio do conjunto das demonstrações financeiras, que a empresa compartilha o resultado dos seus negócios para o mercado. Ela explica que é as demonstrações financeiras traduzem tudo o que acontece no dia a dia de mais de 300 unidades, no caso do Fleury, por meio de 13 mil colaboradores e três mil médicos em um documento que deve ser analisado pelo investidor. “Entendemos a responsabilidade deste conjunto de informações financeiras para que haja um perfeito entendimento do mercado sobre as nossas operações”, diz.


Os relatórios financeiros são um elemento chave para as empresas, uma vez que permitem converter dados brutos, que por si só têm pouco ou nenhum valor, em informação valiosa sobre a situação econômica da empresa. Os relatórios costumam transformar dados em conhecimento e mostrar a situação financeira de uma empresa de forma bastante real. Um dos grandes desafios de produzir estes relatórios é a constante necessidade de atualização de normas regulatórios.


Gisele pontua que, para a entrega dos demonstrativos de 2023 do Fleury, as normas que estiverem mais em destaque foram: combinação de negócios e eventos subsequentes. “O ano de 2022 continuou sendo um exercício com muitas aquisições e a análise e reflexo contábil disso foi objeto de maior atenção pela equipe”, avalia.


Além disso, outro ponto de atenção da empresa é a questão da transparência dos seus dados e como isso é trabalhado com toda a equipe. “Todas as informações são compartilhadas com o time envolvido, em todos os níveis. Desta forma, garantimos o alinhamento de práticas e conceitos e, principalmente, a transparência das decisões contábeis. Se houve um entendimento de determinada norma contábil ou a definição de realizar ou não uma divulgação, ambas estão claras para o time. Encorajamos os colaboradores e damos o exemplo de como trabalhar com transparência nas decisões e ações”, finaliza Gisele.




31 visualizações0 comentário
bottom of page